Igreja Evangelica Jesus Cristo é o Senhor: Julho 2009

segunda-feira, 20 de julho de 2009

Como a OMS distorceu dados da mortalidade maternal para avançar a agenda do aborto



WASHINGTON — Num relatório anual recentemente divulgado sobre a condição da saúde mundial, a Organização Mundial de Saúde (OMS) apresenta estatísticas que enganosamente parecem colocar a mortalidade materna em pé de igualdade com outras doenças assassinas mundiais como a malaria e o HIV/AIDS. Essa nova abordagem contradiz outros relatórios da OMS em que a mortalidade materna nem mesmo chega entre as dez principais doenças que mais matam no mundo, ficando na posição de certo modo mais baixa do que as fatalidades de acidentes de carro.
A confusão surge primeiro na segunda tabela do relatório, que fornece dados sobre a mortalidade devido a causas maternas, o HIV/AIDS, a malaria, a tuberculose, as doenças cardiovasculares, o câncer e os ferimentos. Todas essas causas de morte, exceto a mortalidade materna, estão entre as dez principais causas de morte mundial. Mas a mesma tabela de estatísticas mostra a mortalidade materna, como se fosse comparável aos outros.
Ainda mais confusa para o leitor casual é que as estatísticas na tabela de mortalidade materna realmente parecem ser uma causa maior do que as outras. A tabela mostra que a mortalidade materna tem um “índice de mortalidade” de 400 enquanto as doenças do coração, consideradas a causa número um de mortes no mundo inteiro, têm um índice de mortalidade de 301. Embora a própria OMS diga que a mortalidade materna mate 536.000 por ano e as doenças do coração matem 7,2 milhões, essa aparente paridade é alcançada quando os números de mortalidade materna são mostrados como um número variável de nascimentos vivos totais enquanto os outros são mostrados como um número variável da população total — uma mistura de maçãs e laranjas.
Os críticos acusam que o relatório é parte de uma contínua campanha das agências da Organização das Nações Unidas (ONU) e da OMS de exagerar a incidência real da mortalidade materna com o propósito de promover o aborto.
Um boletim da OMS de 2005 admitiu que relativamente poucos países fornecem dados confiáveis e completos sobre a mortalidade ou causa de morte. Aliás, dos 46 países africanos, que supostamente representam cerca de 50% das mortes maternas, só um país tinha dados completos disponíveis. Ainda assim, a OMS rotineiramente declara que cerca de meio milhão de mulheres morrem anualmente de “causas maternas” nos países em desenvolvimento, independente do fato de que os dados disponíveis dos países em desenvolvimento sobre esse assunto são inconfiáveis, com “margens de incerteza elevada”. A Divisão de População da ONU, o escritório oficial da ONU que lida com estatísticas, se recusa a usar o número de 500.000 precisamente porque não dá para confirmá-lo.
A ONU e suas agências firmemente propõem o aborto e a contracepção, sob o eufemismo de “planejamento familiar”, como o melhor jeito de resolver o problema exagerado da mortalidade materna. A declaração conjunta de 1999 disponibilizada pelo Banco Mundial, FNUAP, UNICEF e OMS reiterou a importância de reduzir a mortalidade materna por meio de “três áreas chaves para ação”: “capacitar as mulheres a fazer escolhas em suas vidas reprodutivas”, melhorar o “acesso para e qualidade de serviços de saúde materna” e “garantir acesso para informações e serviços de planejamento familiar”.
A conferência “Mulheres Dão a Luz” de 2007 patrocinada pela ONU também defendeu o que a Dra. Susan Yoshihara denominou de mentalidade “aborto primeiro” para melhorar a saúde materna. Isso subestima métodos comprovados de reduzir a mortalidade materna associada ao parto por meio do acesso a enfermeiras de parto especializadas e assistência obstétrica de emergência.
Traduzido por Julio Severo

Autismo em crianças pode estar ligado a células de bebês abortados na produção de vacinas infantis, afirma grupo



O aumento nos índices de autismo regressivo nas crianças dos EUA e da Inglaterra pode estar historicamente associado com o fato de que as empresas farmacêuticas deixaram de usar células animais na produção de vacinas para usarem células de bebês humanos abortados, um grupo está afirmando.
“Agora quando vacinamos nossos filhos, algumas vacinas também transmitem DNA contaminador de bebês abortados. Nunca se testou a segurança disso”, diz a Dra. Theresa Deisher, presidente de Sound Choice Pharmaceutical Institute (SCPI).
SCPI, um grupo de educa o público acerca do uso de materiais de bebês humanos abortados usados na produção de drogas farmacêuticas, alerta que as vacinas tríplices (sarampo caxumba e rubéola) introduzidas nos EUA e na Inglaterra em 1979 e 1988 respectivamente, foram produzidas usando células de bebês abortados, enquanto as versões anteriores eram feitas usando somente células animais. Essa troca coincide com o que o SCPI diz são aumentos “dramáticos” nos índices de autismo regressivo nas crianças, em que o desenvolvimento social e verbal de uma criança sofre uma parada.
O alerta veio em resposta à recomendação em junho feita pela Comissão Consultiva Nacional sobre Vacinas (CCNV) do Ministério da Saúde dos EUA para a realização de mais estudos sobre a segurança das vacinas com relação ao autismo. Alguns pais preocupados de filhos com autismo sustentam que há uma ligação entre vacinações infantis e autismo.
Apesar das garantias das agências de saúde e da classe científica contestando isso, um número crescente de pais está optando por não participar das campanhas governamentais de vacinação. Isso levou a Vigilância Sanitária dos EUA a formar um Grupo de Trabalho sobre a Segurança das Vacinas. Um relatório da CCNV recomendou mais estudos sobre o potencial das vacinas para contribuir com o autismo regressivo nas crianças.
O SCPI aponta para estudos que mostram um fator ambiental, “um gatilho”, que provoca a doença. Mas embora os cientistas tenham apontado para a presença do mercúrio nas vacinas tríplices, o SCPI diz que o autismo continuou a crescer depois que o mercúrio foi removido.
“As primeiras vacinas produzidas usando células de bebês abortados, tais como a MMRII, nem mesmo informam aos consumidores que DNA de bebês abortados é injetado em cada vacina”, o SCPI disse numa nota à imprensa. Vacinas introduzidas mais recentemente, diz o grupo, informam aos consumidores que elas contêm contaminação de DNA de “células diplóides humanas”, mas não dizem que essas células são de um bebê humano abortado.
“A segurança de injetar em nossos filhos DNA de bebês abortados vem sendo debatida há 40 anos, mas nunca foi estudada”, disse o SCPI.
Traduzido por Julio Severo

Pastor é transferido de detenção sem o conhecimento da família



CHINA - No dia 29 de junho, o pastor Dou Shaowen foi transferido secretamente para o centro de reeducação através do trabalho na cidade de Zhengzhou, Henan. As autoridades ainda não informaram sua família sobre a transferência. Atualmente, o pastor cumpre a pena de um ano por “se envolver em atividades ilegais” por causa de sua liderança da Rock Church (Panshi).
Entenda o caso
O pastor Dou foi preso em 14 de junho, quando os oficiais do governo invadiram e lacraram a igreja. A polícia prendeu o pastor, sua esposa e mais cinco membros. O casal recebeu a sentença de um ano de trabalho em campos e os outros cinco foram condenados a 15 dias de detenção e uma multa de 500 iuans.
Dou Shaowen ficou preso no Centro de Detenção Jinshui Branch até 25 de junho, mas foi transferido durante a tarde para o centro de trabalho Baimiao. Fontes afirmam que “ele foi tratado de forma desumana. Quando tentou conversar com os policiais, foi forçado a se ajoelhar. Ele trabalhou durante 18 horas por dia e dormia com mais de 70 pessoas no mesmo cômodo. Devido à temperatura elevada e condições precárias de higiene, alguns prisioneiros estão com eczemas, herpes e outras doenças de pele. Eles quase não recebem alimentos”.
No dia 29 de junho, o pastor foi transferido para outro centro, onde as condições são ainda piores.
Quando Feng Lu, esposa do pastor, foi visitá-lo no centro de trabalhos, avisaram que ela poderia vê-lo por um mês e não foi informada sobre a transferência do marido.
O templo da Igreja Rock ainda está lacrado, e a polícia se recusa a devolver os bens confiscados na invasão de 14 de junho.
“Esperamos que o governo possa fazer justiça, declarar nossa inocência e cancelar as penas do pastor Dou e sua esposa. Que as autoridades protejam a vida normal dos cristãos, condenem as pessoas que cometem crimes e peçam desculpas a todos os cristãos.”

Comunidade cristã sofre ameaças no Paquistão



PAQUISTÃO - “Sabemos que vocês são cristãos, nós os convidamos a deixarem esta região, a se converterem ao Islã e a pagarem um milhão e meio de rupias ou serão atingidos por um atentado suicida.” Este é o conteúdo de uma carta enviada ao centro multimídia administrado pelo Departamento de Comunicação da Conferência Episcopal do Paquistão, Rabita Manzil.
Segundo o jornal vaticano, L”Osservatore Romano, os talibãs retomaram uma maciça campanha de intimidação contra as minorias religiosas do país. As ameaças também foram enviadas à Catedral da cidade de Lahore e a associações e escolas católicas.
Algumas denominações cristãs se organizaram para sensibilizar a sociedade sobre o perigo do extremismo religioso, e convocaram para o dia 16 de agosto uma Jornada de justiça social.
Além disso, as comunidades cristãs pedem ao governo uma reforma estrutural, seja em nível legislativo, seja político, para evitar que as violações contra as minorias religiosas se expandam com o passar do tempo.
Por sua vez, o secretário-executivo da Comissão Justiça e Paz da Igreja paquistanesa, Peter Jacob, afirmou à agência Asianews que “a situação é delicada e é evidente um clima de tensão”, mas destacou também a vontade de “continuar o trabalho pelo bem do país e das pessoas”.
Peter Jacob confirma as ameaças de sequestro com fins de extorsão, uma situação que preocupa, mas que não os impede de prosseguirem o trabalho. Ele reiterou a importância de organizações empenhadas na assistência aos refugiados do vale de Swat e no distrito de Malakand, aos quais fornecem alimentos e gêneros de primeira necessidade.

Cristãos refugiados podem não receber ajuda do governo



PAQUISTÃO - Cristãos refugiados em Swat Valley e em Malakand não estão recebendo a ajuda prometida pelo governo.
No dia 13 de julho, Islamabad iniciou os procedimentos para a volta das pessoas desalojadas. O primeiro-ministro Yousaf Raza Gilan disse que as operações do exército conseguiram remover o talibã de lugares como Bonier, Dir, Swat Valley e muitas outras regiões de Malakand. Diversas áreas no nordeste do país – próximo à fronteira com o Afeganistão – estão seguras e os refugiados podem voltar para casa.
Para encorajar a volta à normalidade, o governo decidiu dar 25 mil rúpias (cerca de 230 euros) como compensação para as famílias afetadas pela guerra entre o exército e o talibã. A primeira operação para o repatriamento de refugiados começou nos campos em Mardan, com a entrega da quantia como incentivo para a reconstrução das casas.
Uma reportagem aponta que não há muitos cristãos refugiados nos campos do governo. Somente 60 famílias estão registradas em um centro cristão em Mardan, criado e mantido pela Igreja no Paquistão. No entanto, os “milhares de cristãos” que estão morando com parentes e amigos no norte do país e em Punjab correm o risco de não receberem nenhuma compensação.

Muçulmanos protestam contra construção de igreja



INDONÉSIA - Membros de diversas organizações muçulmanas se reuniram para protestar contra a construção de um templo para a igreja protestante Huria Kristen Batak (HKBP em inglês), no sul da província de Sumatra.
O fórum muçulmano de Sumatra organizou a manifestação. Carregando uma cópia do decreto emitido em maio de 2009, que ordenava a interrupção da construção, os manifestantes se reuniram ao redor do terreno, fizeram discursos e destruíram uma ponte que conduzia até o local antes de solicitar que o governo cumprisse o decreto e interrompesse a construção.
Um porta-voz do fórum, Umar, disse que o grupo se baseava nos argumentos de que a Igreja não tinha uma permissão do Fórum de Harmonia Interreligiosa para realizar a construção, documento exigido pela junta ministerial, que controla o estabelecimento de lugares de culto.
Umar alegou que como existem poucos cristãos na área, não há necessidade de um templo.
Syairozi, diretor do fórum, confirmou que seu grupo não deu permissão para que a HKBP construísse um templo na área.
O principal deputado de Palembang, Haji Rom Herton, emitiu o decreto em maio ordenando que a construção fosse interrompida por falta de documentação.
Confrontando a burocracia
A igreja HKBP Plaju, aberta em 1961, agora cultua em conjunto com outras duas congregações em um prédio que pertence a uma empresa do governo. Há muitos anos, a HKBP comprou um terreno em Palembang, mas por causa da oposição de moradores da região, não conseguiram obter a permissão.
Essa e outras igrejas passaram por grandes dificuldades, pois é há muita burocracia para se conseguir uma permissão para as igrejas, o que não deixa escolha para as congregações, a não ser cultuar nos lares, hotéis ou locais de conferência alugados.
Tais reuniões fazem com que as igrejas fiquem frágeis a ameaças de grupos como o Front Pembela Islam, responsáveis pelo fechamento de muitas igrejas nos últimos anos.

Novas investigações de campo confirmam cumplicidade do FNUAP na política coerciva de controle populacional da China, SO E O COMERÇO DAS COISAS QUE VIR



Por Kathleen Gilbert) FRONT ROYAL, Virginia — O Instituto de Pesquisa Populacional (IPP) está aumentando as pressões no governo de Obama por entregar 50 milhões de dólares ao Fundo de População das Nações Unidas (FNUAP) com a notícia de mais outra investigação confirmando a cumplicidade do FNUAP nas políticas coercivas de controle da natalidade na China.
Em março e maio de 2009, o IPP realizou duas investigações separadas, cobrindo 6 “municípios modelos” do FNUAP. Esses municípios em que o FNUAP afirma que suas campanhas “removeram metas e cotas de natalidade e introduziram uma abordagem de qualidade de assistência” — uma alegação que os investigadores chamam de “ultrajante”.
O investigador do IPP Colin Mason e o presidente Steven Mosher dizem que descobriram que não só as medidas coercivas permanecem em vigor, mas a situação é de algumas maneiras pior do que nos anos anteriores, quando uma investigação original levou o governo de Bush a parar o financiamento do FNUAP com o dinheiro de impostos americanos.
“Fomos pessoalmente aos lugares em que o FNUAP atua e descobrimos que a afirmação do FNUAP de ter desempenhado um papel catalítico na introdução de uma abordagem de saúde reprodutiva voluntária na China é patentemente absurda”, disse Mason. “A política é exatamente tão coerciva nessas áreas como em qualquer outra”.
“Mulheres continuam a ser presas pelo crime de engravidar”, disse Steven Mosher. “Elas continuam sendo obrigadas a abortar seus bebês. As minorias continuam sendo alvos. Os deficientes são proibidos de ter filhos. Essas violações de direitos humanos estão ocorrendo bem debaixo do nariz do FNUAP. É ridículo sugerir que os especialistas de controle populacional da ONU não sabem acerca deles”.
Em 2001, o IPP entregou ao Departamento de Estado dos EUA um dossiê das atividades do FNUAP na China. A resposta do Presidente Bush foi enviar delegados do Departamento de Estado numa segunda investigação. Embora a equipe tivesse sido bem recebida e acompanhada pelo governo chinês, as autoridades concluíram que o FNUAP era de fato cúmplice das coercivas políticas de controle da natalidade da China, e o financiamento de assistência externa foi cortado do FNUAP em 2002.
Contudo, dias depois de assumir a presidência em janeiro, o Presidente Obama anunciou que voltaria a financiar o FNUAP sem comentar as investigações.
De acordo com a lei americana, conhecida como emenda Kemp-Kasten, nenhum financiamento originário de impostos pode ir para uma organização que apóie o controle da natalidade coercivo. Quando o FNUAP foi beneficiado com 50 milhões de dólares do projeto de lei de diversas verbas, incluiu-se uma cláusula que especificamente isentava o FNUAP da proibição Kemp-Kasten.
O projeto de lei explicitamente proibia que o dinheiro fosse usado para financiar programas na China. Mas não há evidência de que o dinheiro do FNUAP é insubstituível, e poderia pois ser usado para liberar outros fundos para uso na China. Além disso, a emenda Kemp-Kasten proíbe que financiamentos sejam dados para organizações que apóiam tais programas, em vez de proibir os próprios programas.
“A lei dos Estados Unidos é clara: os dólares de nossos impostos não devem ser usados para financiar abortos ou medidas coercivas no exterior”, disse Mosher. “Mas é igualmente claro que o FNUAP está envolvido precisamente no que a lei proíbe”.
“Pedimos que o Congresso reconheça, ainda que o presidente não queira, que o financiamento ao FNUAP é de fato financiamento para o planejamento familiar coercivo na China. Tal financiamento tem de ser suspenso imediatamente”.
Mosher disse para LifeSiteNews.com numa entrevista hoje que ele ouviu os relatos de abusos de direitos humanos contados por residentes de três dos municípios “modelos” do FNUAP em maio: o Município Autônomo de Fengning Manchu e o Município de Wenshui. Em Fengning, Mosher falou com vários habitantes que confirmaram que “multas pesadas e abortos forçados são a ordem do dia”.
O IPP diz que os municípios do FNUAP também facilitam as metas eugênicas do governo chinês. Mosher falou acerca de seu encontro com uma mulher muda no município de Luan, de quem a equipe investigativa ficou sabendo que ela havia sido esterilizada a força.
“Ela era muito inteligente, e muito amistosa, e entre as pessoas mais animadas que encontrei enquanto eu estava na China — ela se comunicava mediante gestos manuais”, disse ele. “Então chegamos ao assunto de filhos, e ela havia sido esterilizada, porque era muda. E o que as pessoas não percebem acerca da política de um só filho na China é que é também uma política eugênica…
“Bebês deficientes são mortos no nascimento; se uma pessoa com uma deficiência se inscreve para se casar, ela poderá receber permissão para casar, mas primeiro precisa ser esterilizada. Portanto, a China não quer nenhum filho de pessoas que nasceram mesmo com pequenas deficiências”.
Mosher disse que um relatório acerca das investigações mais recentes seria completado nesta semana e enviado para várias autoridades do governo de Obama, que não deram nenhuma resposta à investigação do IPP em março envolvendo semelhantes municípios “modelos” do FNUAP na China.
Mosher expressou frustração com a disposição de Obama de aceitar as próprias alegações do FNUAP sem fazer crítica alguma, em contraste imenso com a reação do governo de Bush em 2001.
“Se não acreditam em nós, o governo deveria examinar por si mesmo este problema”, disse ele.

Fábio se prende à fé e não busca justificativas para a derrota



O baque pela perda da Copa Libertadores foi enorme. Os jogadores do Cruzeiro cumpriram o protocolo da Conmebol (Confederação Sul-americana de Futebol), subiram ao pódio, receberam suas medalhas de prata e partiram para o vestiário do Mineirão.
No túnel, todos já haviam tirado o prêmio do pescoço. Todos cabisbaixos, alguns chorando, muito abatidos e ainda sem condições de falar à imprensa. Neste momento, ainda no calor do jogo, o capitão Fábio foi o primeiro a expor a voz dos jogadores. Muita tristeza, sem nenhuma desculpa.
“Não tem justificativa. O time lutou para conquistar o título. Tivemos a oportunidade de quase sair com ele, mas só quem está dentro de campo e lutou muito para chegar à final sabe como é”, lamentou o goleiro, ao microfone da Rádio Itatiaia.
Evangélico e bastante atuante, o camisa 1, um dos maiores destaques da campanha celeste, aconselha os colegas a procurarem apoio nas pessoas mais próximas. “Neste momento, não tem nem palavra. Só a fé mesmo para sustentar cada jogador, junto com seus familiares”, prosseguiu Fábio.
O goleiro lembra ainda um outro tradicional remédios para as grandes dores: o tempo. “A gente tem que começar novamente porque futebol não para. A cada jogo, você tem a possibilidade de recomeçar”, disse, já pensando no Campeonato Brasileiro e no jogo de domingo, contra o Corinthians.

Mulher de Kaká abrirá igreja na Espanha



Caroline Celico, mulher do jogador Kaká, da seleção brasileira e do Real Madrid, vai abrir uma igreja evangélica na capital espanhola. Ela e o marido são membros da igreja Renascer em Cristo. Durante um culto na Flórida, Caroline foi apresentada aos fiéis pela bispa Sônia, que fundou a igreja ao lado do marido, o bispo Estevam Hernandes. Ela então, contou sobre seus planos de abrir uma igreja na Espanha. Os vídeos com o testemunho de Caroline já circulam no YouTube.
Para Caroline, foi Deus quem fez com que o Real Madrid tivesse dinheiro para contratar seu marido. “Como pode alguém no meio da crise ter dinheiro? Deus colocou esse dinheiro na mão do Real Madrid para contratar o Kaká. Nós vamos poder abrir uma igreja lá. Existem vidas que têm que ouvir essa palavra”, disse.
A mulher de Kaká ainda falou sobre sua opção de ter casado virgem. “Eu fiz uma aliança com o Senhor: quem ama espera. Quando eu conheci o Kaká eu não era convertida e acabei me apaixonando pela Renascer. Ele tinha colocado no meu espírito casar virgem. Eu não tinha dividido com o Kaká e pensei que quando eu falasse, ele iria me largar. Quando eu contei, teve aquele silêncio. Eu pensei que iria acabar. Mas ele disse: ‘Esse foi o sinal que eu tinha pedido para o Senhor’”, contou.

Anel da castidade ganha versão para iPhone, O DIABO LANÇA E O POVO QUE ESTA NO MUNDO RECEBEM E ADORAM



Os anéis da castidade — também conhecidos como anéis de pureza, anéis de compromisso ou anéis de abstinência — são uma invenção americana da década de 1990. Surgiram dentre grupos de abstinência sexual ligados a igrejas cristãs e são vendidos a adolescentes ou pais de adolescentes que queiram presentear seus filhos.
O uso desses anéis geralmente é acompanhado por um voto religioso de celibato até o casamento. São usados como demonstração de compromisso com a abstinência sexual até que sejam substituídos por uma aliança de casamento.
Ao contrário dos anéis de compromisso, os de castidade não necessariamente indicam compromisso afetivo. O simbolismo do anel da castidade é semelhante ao pretendido por quem usa correntes no pescoço com pingentes em forma de cruz ou crucifixo representando a fé do usuário em Jesus Cristo. O anel da castidade vai mais além, sendo um sinal externo de um compromisso voluntário de ordem moral.
Agora os jovens podem demonstrar seu voto de pureza também através do iPhone e do iPod touch, com o lançamento da aplicação PurityRing na App Store da Apple.
Desenvolvida pela Island Wall Entertainment, o que a aplicação faz é exibir um anel prateado girando na tela do aparelho. A empresa, que se descreve como a maior desenvolvedora de aplicações para cristãos para o iPhone, espera atrair jovens ligados em tecnologia e que, ao mesmo tempo, desejam demonstrar os benefícios do autocontrole sexual até o casamento. O programa tem a intenção de ser um complemento ao anel físico, e não um substituto.
Crê-se que esta seja a primeira versão digital do anel.
Dentre os usuários famosos dos anéis de castidade — e que agora tornam-se potenciais usuários do PurityRing — estão os integrantes da banda pop Jonas Brothers.

Sete cristãos são decapitados por extremistas



SOMÁLIA - Insurgentes do grupo extremista somali Al-Shabaab, decapitaram sete somalis por serem “cristãos” e “espiões”.
Essa notícia foi publicada pela Reuters em 10 de julho. A reportagem afirma que o incidente aconteceu na cidade de Baidoa, na manhã do dia 10.
Segundo a reportagem, embora o al-Shabaab já tenha realizado punições igualmente severas nas regiões sob seu controle, esse foi o maior número de execuções feitas ao mesmo tempo.
A Somália é 99,95% islâmica. Há pouquíssimos cristãos no país, forçados a viver escondidos. Alguns cristãos se refugiaram em países vizinhos.
Alguns dias antes das decapitações, em 25 de junho, o al-Shabaab amputou uma mão e uma perna de quatro adolescentes em Mogadíscio, acusados de roubo. Com essas ações, o al-Shabaab tem ampliado seu reino de terror na Somália.
Na sexta-feira 10 de julho, a comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Navi Pillay, disse que essas ações do al-Shabaab são crimes de guerra, assim como as sentenças de morte deliberadas por seus tribunais. Segundo Pillay, os civis, em especial as mulheres e crianças, arcam com a violência no país.
Pillay ainda diz que testemunhas informaram a ONU de que grupos do al-Shabaab “têm feito execuções extrajudiciais, plantado minas, bombas e outros explosivos em áreas civis, e usado os civis como escudos humanos”.
Despreocupado com as críticas, os ataques do al-Shabaab às forças do governo continuam. Segundo a Reuters, a força de paz da União Africana (AMISON) alertou o grupo a retroceder em Mogadíscio, caso contrário sofreria retaliação.
Entretanto, a AMISON tem recursos limitados. Confinada a suas bases, eles não podem atacar, apenas agir em defesa.
Na última cúpula da União Africana, os líderes reuniram não concederam mais poder à AMISOM. Eles negaram um pedido do presidente somali Sheikh Sharif Ahmed de que a AMISON o ajudasse a controlar os rebeldes.
Em 12 de julho, o governo somali, com a ajuda da AMISOM, matou 40 combatentes da al-Shabaab que tentavam invadir o palácio presidencial.
Pedidos de oração
1. Interceda pela família dos cristãos que foram mortos. Ore para que seu testemunho de fé encoraje outros a conhecer em Cristo.
2. Peça a Deus para conceder sua graça, pois os rebeldes usam essas ações para incutir medo nas pessoas. Que o Senhor use tais eventos para expandir seu Reino na Somália.
3. Clame a Deus para que tenha misericórdia da Somália.
Com informações da Reuters.

Israel participa de projeto para transcrever a Bíblia



INTERNACIONAL - O Ministério Exterior de Israel está auxiliando em um projeto chamado “People of the world Inscribe the Bible” (pessoas de todo o mundo transcrevem a Bíblia), que tem como objetivo escrever o texto bíblico à mão em 100 idiomas diferentes.
De acordo com uma matéria da International Christian Embassy Jerusalem (ICEJ), a iniciativa foi da Bible Valley Society, uma ONG israelense, com o apoio do ministério de assuntos externos.
A ICEJ afirma que seis dos exemplares – versões completas em chinês (mandarim e taiwanês), inglês, tâmil e finlandês, e um ainda em progresso em hebraico – foram colocadas em exposição na segunda-feira, no Museu da Bíblia em Jerusalém.
“Esse é um projeto muito significativo para milhões de cristãos ao redor do mundo, e pode atrair mais apoiadores para a nação de Israel”, diz Tery G.C. Ting, representante de Israel em Taiwan.
Os organizadores pretendem alcançar o objetivo de 100 Bíblias em 100 idiomas diferentes nos próximos cinco anos.

Lei aprovada fará deputados da Paraíba “refletir” sobre a Bíblia antes das sessões


Um projeto aprovado pelos deputados da Assembleia Legislativa da Paraíba fará com que antes de cada sessão os parlamentares tenham cinco minutos para “refletir sobre a Bíblia”.
Autor da proposta, o deputado Nivaldo Manoel (PPS) acredita que “a palavra de Deus ajudará a melhorar os ânimos” dos colegas para enfrentar os problemas no plenário.
“Às vezes são sessões acirradas, muito violentas, com muitas discussões pesadas. Então, acredito que a palavra de Deus possa melhorar um pouco os problemas que existem aqui no plenário”, diz o deputado, que já havia aprovado antes um projeto para que todas as sessões fossem abertas em nome de Deus e iniciadas com a leitura de um versículo bíblico.
O deputado calcula que serão usados sete minutos de cada sessão para leitura e reflexão sobre a Bíblia - feitos por ele mesmo - assim que o projeto, aprovado por unanimidade, for publicado no “Diário Oficial” da Casa. Neste tempo, afirma, os deputados “permanecerão da forma que eles quiserem”, mas pedirá silêncio.
“Sou evangélico de uma igreja como a Assembleia de Deus, muito rígida, de mais titularidade à obediência da Bíblia. [...] Tenho essa vantagem e a coragem de fazer isso. E vou fazer em nome de Jesus essa reflexão pregando a palavra sem nenhum constrangimento, como se estivesse no púlpito de uma igreja”, afirma o deputado, que disse não ser pastor.
Manoel acredita que a reflexão poderia ser adotada também no Senado, como forma de melhorar “a atitude dos parlamentares”.
“Se tem um evangélico lá, deveria ter um seguimento bíblico para que haja maior tranquilidade e equilíbrio no plenário.”

AMADOS IRMAOS VAMOS ORARA POR ESTA S FAMILIAS

NEUZA CABRAL PASQUALINI
RODRIGO C. P. .
REBECA C. P.

WAGNER SOUZA:

EDIR MACEDO

MACEDO,

ANA LARA C. P.:

NICEIA CABRAL:

REINALDO NATANAEL C. P.
é RIBEIRO DA SILVA,

ARIOVALDO SANTINI TEODORO

E NEVES AMORIM, E PELOS

AMADOS IRMAOS QUE ACESSAM ESTE BLOG VAMOS ORAR POR ESTAS FAMILIAS



NEUZA CABRAL PASQUALINI:
RODRIGO C. P. .
REBECA C. P.
WAGNER SOUZA: ANA LARA C. P


NICEIA CABRAL:
REINALDO NATANAEL C. P.
é

RIBEIRO DA SILVA,

ARIOVALDO SANTINI TEODORO

E NEVES AMORIM,

ALMAS SE RENDENDO AO SENHOR PELO PODER DA PALVRA


ESTE IRMAÕ ESTAVA ESCRAVISADO MAIS O SENHOR O RESGATOU DAS MAOS DO MALIGUINO.
















































O PASTOR MECHÓ ALVES MINISTRANDO A PALAVRA



O PODER E AGLORIA DE DEUS ESTAVA CONOSCO E O SEU ESPIRITO SANTO FOI MANIFETADO













O LEVITA DO SENHOR

O IRMAÕ ALEXANDRE LOUVANDO PARA O SENHOR



A MISSIONÁRIA MARIA LUCIA MINISTRANDO A PALAVRA DE DEUS NO CULTO DE LIBERTAÇÃO ONDE PELO PODER DA PALVARA DO SENHOR DUAS FAMILIAS SE RENDERAM AO SENHOR E O PODER DE DEUS FOI MANIFESTADA PARA A HONRA E A GLORIA DE DEUS

CULTO DE LIBERTAÇÃO NA SEDE NACIONAL

O PASTOR MECHÓ LOUVANDO AO SENHOR JUNTAMENTA COM A DIACONIZA ANTONIA
O PODER DE DEUS FOI MANIFESTADO PODEROSAMENTE NAS VIDA DOAS PESSOAS QUE ESTIVERAM NESTA NOITE







OS IRMAOS ESTAVA CHEGANDO PARA CULTUAR AO SENHOR

LOUVANDO PARA O SENHOR




O PASTOR JOSE CARLOS
O PASTOR MECHÓ ALVES

































O DIACONO VALDIR DE JESUS













OS SOLDADOS DE CRISTO NA BOA OBRA DO SENHOR

CULTO REALIZADO NA SEDE DA IGREJA EVANGELICA JESUS CRISTO E O SENHOR NA CIDADE DE UBATÃ NO SUL DA BAHIA, O PASTOR MECHÓ E UM SERVO DE DEUS QUE TEMA UMA EXTENÇA E LONGA VIDA NA OBRA DO SENHOR ESTE HOMEM TEVE O COURO DAS SUAS COSTAS ARANCADA POR MERCENARIOS NO SUL DA AFRICA E NA INDIA ONDE TERVE O SEU BRAÇO CORTADO COM UMA ESPADA E HOJE ELE JUNTAMENTE COM SUA ESPOSA A MISSIONA DÃO BOM TESTEMUNHO DE VIDA NO ALTAR DO SENHOR.



AQUI ESTA A DIACONIZA
ANTONIA E A IRMA NENZINHA


ACONVERÇÃO PELO PODER DA PALAVRA






O PASTOR MECHÓ MINISTRANDO A PALAVRA DO SENHOR E ESTA VIDA ACEITANDO A CRISTO E RECEBENDO A CURA PARA A HONRA E A GLORIA DE DEUS.




























AQUI ESTA O PASTOR MECHÓ
O DIACONO VALDIR DE JESUS
O DIACONO MANOEL FRANCISCO
NA SEDE NACIONAL DA IGREJA EVANGELICA JESUS CRISTO E O SENHOR

GRANDE OBRA DE MISSOES


AQUI ESTA O PASTOR MECHÓ ALVES DA SILVA NA CIDADE DE UBATÃ JUNTAMENTE COM O PASTOR JOSE CARLOS FAZENDO A OBRA MISSIONÁRIA NA IGREJA MISSIONARIA RENACER EM CRISTO, ONDE O PODER DE DEUS FOI MANIFESTADO E VIDAS SE RENDERAM A CRISTO.














AQUI ESTA O PASTOR JOSE CARLOS

O PASTOR MECHÕ ALVES O PASTOR LOURIVAL DE JESUS O PASTOE CICERO


EM UM CULTO DE BENÇÃO E ADORAÇÃO AO SENHOR







O PODER DE DEUS FOI MANIFESTADO E CURAS DIVINAS ACONTECERAM PARA A GLORIA DE DEUS












O PDER DA CURA NA ENFERMIDADE DESTA IRMA ONDE O ESPIRITO SANTO DO SENHOR REVELOU PROFUNDAMENTE

sexta-feira, 17 de julho de 2009

Novo filme de Harry Potter bate recorde de bilheteria na estreia

QUERIDOS PAIS DE FAMILIAS PERÇO-LHES A SUA ATENÇÃO NÃO DEIXE OS SEUS FILHOS ASISTIREM A ESTE FILME DO HARRY POTTER, ESTE FILME TRAZ INCITAÇOES SATANICAS E SIBOLOGIAS DIABOLICAS QUE CONFUDEM AS MENTES DAS CRIANÇAS POIS ESTE FILME RETRATA A PRATICA DE MAGIA NEGRA E SATANISMO O QUAL ELES USAM UM RAPAZ COMO ALVO DO APREMDIZADO DAS MAGIAS OCULTAS E DIABOLICAS NAÕ DEIXE O SEUS FILHOS ASISTIREM A ESTE FILME SALVE AS SUAS CRIANÇAS.
LOS ANGELES (Reuters) - O novo filme de Harry Potter "Harry Potter e o Enigma do Príncipe" arrecadou 104 milhões de dólares nas bilheterias no seu primeiro dia de exibição, estabelecendo um recorde, disse a Warner Bros nesta quinta-feira.
O longa, o sexto na série baseada nos livros de J.K. Rowling, arrecadou 45,85 milhões de dólares nas bilheterias em todo o mundo e 58,18 milhões de dólares nos cinemas na América do Norte na quarta-feira, disse a Warner Bros.
Estes números incluem o valor recorde de 22,2 milhões de dólares em exibições à meia-noite nos Estados Unidos.
"Simplesmente devemos este recorde aos nossos fãs que nos apoiaram e ficaram nas filas para estarem entre os primeiros a ver 'Harry Potter e o Enigma do Príncipe'", disse o presidente da Warner Bros, Alan Horn, em nota.
Paul Dergarabedian, analista do site Hollywood.com, disse: "Esta é uma estreia tremenda. Está na estratosfera das bilheterias".

Fitas sobre chegada do homem à Lua foram apagadas, admite Nasa

DIZ A PALAVRA DO NOSSO DEUS POR SE MULTIPLICAR A CIENCIA NO MUNDO O HOMEM ESTA DISAFIANDO O PODER DE DEUS E POR ISSO ESTÃO DESATORDOADOS.
WASHINGTON (Reuters) - As gravações originais da chegada do homem à Lua pela primeira vez, há 40 anos, foram apagadas e reutilizadas, mas novas cópias restauradas da transmissão original parecem ainda melhores, disseram dirigentes da Nasa nesta quinta-feira.
A Nasa divulgou as primeiras cenas da completa renovação digital da gravação original, que deixam mais claras as imagens granuladas e turvas de Neil Armstrong e Buzz Aldrin andando na superfície da Lua.
O conjunto completo de gravações, restaurado pela Lowry Digital, empresa da Califórnia, será divulgado em setembro. Uma amostra está disponível no site da Nasa (http://www.nasa.gov).
A Nasa admitiu em 2006 que ninguém conseguiu encontrar a gravação original em vídeo do desembarque em 20 de julho de 1969.
Desde então, Richard Nafzger, um engenheiro do Centro de Voos Espaciais Goddard, da Nasa, no Estado de Maryland, vem procurando as fitas. Ele foi o supervisor do processo de televisionamento durante a missão da Apolo 11.
A boa notícia é que ele descobriu onde as fitas foram parar. A má notícia é que elas eram parte de um lote de 200.000 unidades que foram desmagnetizadas - apagadas magneticamente - e reutilizadas para economizar dinheiro.
"A meta era a TV ao vivo," disse Nafzger em uma entrevista à imprensa. 'Nós deveríamos ter tido um historiador no comando disso, dizendo: 'Não me importo se vocês não vão mais usá-las, nós vamos guardá-las,'" declarou.
Eles encontraram boas cópias nos arquivos da CBS News e algumas gravações chamadas cinescópios em depósitos de filme no Centro Espacial Johnson.
Lowry, mais conhecido como restaurador de velhos filmes de Hollywood, vem digitalizando esse e outros materiais para compor a reconstituição da aterrissagem.
Nafzger não teme que, pelo fato de usar uma empresa com sede em Hollywood, possa jogar lenha na fogueira das teorias conspiratórias, segundo as quais todo o programa lunar que levou pessoas à Lua seis vezes, de 1969 a 1972 foi filmado em um estúdio ou base militar secreta.
"Esta empresa restaura vídeos históricos. Para mim não importa qual é sua origem," disse Nafzger. "As pessoas ligadas a teorias conspiratórias vão acreditar no que quiserem acreditar," acrescentou o chefe de operações da Lowry Digital, Mike Inchalik.
E pode haver em algum lugar cópias não oficiais da transmissão original que foram tiradas de um centro da Nasa em Sydney, na Austrália, afirmou a agência espacial.
Nafzger disse que houve quem fizesse gravações em Sydney, também. "Essas fitas não estão no sistema," afirmou ele. "Estamos certamente dispostos a encontrá-las."

RS é 'porta de entrada' da nova gripe, diz Secretaria da Saúde

POR CAUSA DO PECADO DO HOMEM O INIMIGO ESTA AGINDO COLOCANDO AS ENFERMIDADES NAS PESSOAS ASSIM DIZ A BIBLIA QUE NO FINAL DOS TEMPOS SURGIRÃO DOENÇAS FOME PESTE FALTA DE AMOR ENTRE OS POVOS E NAÇOES DESESPERO ESPIRITUAL FALTA DE EMPREGO E A MULTIPLICAÇÃO DA VIOLENCIA A DISCORDIA E A DESUNIÃO ENTRE PAIS E FILHOS EPOSAS E MARIDOS, ESTUDE A BIBLIA SAGRADA E VOCE VAI ENCOTRA AS RESPOSTA PARA TODAS AS PERGUNTAS.
O secretário estadual da Saúde, Osmar Terra, confirmou mais cinco mortes de pacientes com a nova gripe no estado. Os casos já haviam sido anunciados pelas prefeituras, desde a manhã desta quinta-feira (16).

Veja cobertura completa da nova gripe

No estado, sete pessoas já morreram em decorrência da nova gripe. Em todo o país, já são 11 óbitos confirmados.

Mesmo com o aumento no número de pacientes, Terra disse que "não existe uma situação mais grave ou diferente do que acontece em todos os invernos gaúchos".

De acordo com nota divulgada pela Secretaria Estadual de Saúde, a orientação, que tem apoio da Secretaria da Educação, é para que não ocorra suspensão das aulas ou antecipação de férias escolares em decorrência da nova gripe. "Os casos suspeitos deverão ser comunicados pela direção da escola à Coordenadoria Regional de Educação e Secretaria Municipal de Saúde e só as turmas com casos suspeitos ou confirmados deverão ter suas atividades suspensas", diz o texto.

saiba mais
Rio anuncia 1ª morte pela nova gripe, e total no Brasil sobe para 7
OMS não fará mais contagem de casos de nova gripe para todos os países
Confirmada a primeira morte causada pela nova gripe no Rio
Osasco confirma segundo caso de morte por causa da nova gripe
Vacina contra gripe suína virá em setembro, diz OMS
Medo de nova gripe lota emergência de hospital em Niterói
Mulher de Tony Blair pode ter a nova gripe, diz imprensa britânica
Na mesma nota, a Secretaria da Saúde afirmou que o Rio Grande do Sul é considerado como "a porta de entrada da gripe, por via terrestre, no Brasil", por fazer fronteira com a Argentina e o Uruguai. O secretário não acredita que as mortes registradas vão alterar o perfil de mortalidade por doenças respiratórias no inverno. A administração estadual diz que, em média, são anotados 2.500 óbitos por ano por pneumonia.

Terra considera que já pode estar ocorrendo a circulação do vírus de forma sustentada no estado.

Nesta quinta, o ministro da Saúde, José Gomes Temporão, afirmou que a situação do Rio Grande do Sul é a que vem inspirando "mais cuidados" das autoridades. Uma equipe do ministério está seguindo para o estado e mais mil tratamentos serão encaminhados às unidades de saúde.
Cinco casos em um dia
Nesta quinta-feira, foram confirmadas uma morte em Uruguaiana, duas em Passo Fundo e duas em Santa Maria.

Nesta manhã, a Prefeitura de
Uruguaiana comunicou o óbito de um paciente com a mesma doença: um caminhoneiro de 35 anos que estava na Santa Casa da cidade. Ele teria sido contaminado na Argentina.

Em Passo Fundo, os dois pacientes são um comerciante de 42 anos e um garçom, de 30. Os dois tinham histórico de hipertensão, de acordo com o governo estadual. As mortes ocorreram nos dias 8 e 10 de julho.Em Santa Maria, foram mais dois homens. Um era vigilante, tinha 26 anos e não apresentava problemas de saúde. O secretário de Saúde de Santa Maria, José Haidar Farrett, disse ao G1 que o outro era funcionário de hospital. O estado diz que era um operador de manutenção, de 36 anos, que tinha diabetes, hipertensão e cardiopatia. A prefeitura diz que os exames que confirmaram o diagnóstico, feitos pela Fiocruz, chegaram nesta quinta-feira.

Os locais de transmissão da doença, nos quatro últimos casos anunciados, estão sendo investigados. Também nesta quinta, foram confirmados mais dois casos, em
Osasco (SP) e no Rio de Janeiro.

Outros casos
A primeira vítima da doença no Brasil foi um caminhoneiro de 29 anos que estava internado em Passo Fundo, e morreu em 28 de junho. Na última sexta-feira (10), foi confirmada a morte de uma menina
moradora de Osasco, em São Paulo. A terceira morte foi anunciada na segunda-feira (13): um menino de 9 anos, morador da cidade de Sapucaia do Sul (RS). Ele morreu em 5 de julho, em Porto Alegre, mas o resultado da análise laboratorial que confirma a contaminação só saiu na segunda-feira (13). Em São Paulo, a segunda morte no estado foi confirmada na terça-feira (14). Trata-se de um homem de 28 anos, que passou a apresentar febre, dor de cabeça, náusea, vômito, tosse e congestão nasal em 1º de julho, no Hospital de Clínicas de Botucatu. Ele procurou o serviço médico no sábado, 4 de julho, quando foi internado. No dia 7, o quadro clínico se agravou e ele morreu três dias depois, na sexta-feira.

Balanço
Segundo balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, até quarta-feira (19), foram confirmados
1.075 casos da doença no país. Desse total, 135 eram do Rio Grande do Sul.

O ministro da Saúde disse que foi identificado um caso de
transmissão sustentada em São Paulo. Isso significa que o vírus circula no país. Trata-se de uma criança que morreu em 30 de junho. Agora, a Secretaria Estadual de Saúde informou que não havia vínculo desta pessoa com alguém que veio do exterior.

Apesar do aumento no número de registros, o ministro declarou que "não há nenhum motivo para pânico". A recomendação é para evitar viagens para países com transmissão sustentada contínua.

Polícia desativa 3ª bomba escondida em hotel após atentados na Indonésia

ISSO E A AÇÃO DO DIABO NO CORAÇÃO DO HOMEM
A polícia da Indonésia desativou nesta sexta-feira (17) uma terceira bomba escondida em um quarto do hotel Marriott de Jacarta, depois de o prédio e também uma filial da cadeia Ritz-Carlton, ambos na capital do país, terem sido alvo de atentados que deixaram pelo menos nove mortos e mais de 50 feridos, indicaram fontes oficiais.

A bomba estava pronta para ser detonada, e foi descoberta por agentes da brigada antiterrorista em um quarto do 18º andar, local onde, segundo o ministro para a Segurança da Indonésia, Widodo Adi Sucipto, os supostos autores dos atentados estabeleceram sua central de controle.
A explosão no Ritz-Carlton se deu no porão, enquanto a no Marriott ocorreu no terceiro andar, onde fica o restaurante. Os dois hotéis são considerados de luxo.

O presidente do país, Susilo Bambang Yudhoyono, disse que pretende supervisionar os trabalhos das forças de segurança. Em entrevista à imprensa local, ele considerou as explosões "atentados simultâneos".

Por enquanto, nenhum grupo terrorista reivindicou o atentado.

Localizados no centro financeiro de Jacarta, os dois hotéis de luxo ficam bem próximos um do outro. Ambos foram isolados, e vários edifícios do entorno também foram esvaziados pela polícia, segundo testemunhas.

saiba mais
Atentados contra dois hotéis deixam nove mortos na Indonésia
Explosões
De acordo com o porta-voz da polícia, Joko Sumento, as primeiras investigações apontam que as duas explosões foram causadas por um explosivo potente usado em pequena quantidade.
As explosões ocorreram com uma diferença de aproximadamente cinco minutos entre uma e outra, segundo moradores da região.
Quatro dos mortos foram localizados no saguão do hotel Marriott. Poucas horas depois da explosão, os agentes retiraram partes de um cadáver e pelo menos cinco corpos.

Fontes policiais relataram que os feridos - dentre os quais estão 14 estrangeiros - foram transferidos em automóveis particulares e em ambulâncias para hospitais da região.


Fachada de hotel atingido por bomba em Jacarta, na Indonésia (Foto: AP)

Manchester United
Por conta das explosões, a delegação do Manchester United, vice-campeão europeu de futebol, cancelou viagem para Jacarta. O clube inglês cumpre turnê na Ásia como parte pa preparação para a temporada 2009/2010, e confirmou treinamentos e amistosos na Malásia, Coreia do Sul e China.

12 mortos em 2003
Em 7 de agosto de 2003, 12 pessoas morreram num atentado perpetrado contra a filial do hotel Marriott de Jacarta. O ataque foi atribuído ao grupo Jemaah Islamiya, considerado o braço da al-Qaeda no Sudeste Asiático.

quarta-feira, 15 de julho de 2009

COMO SER FIEL A DEUS

Para quem pegou o “bonde andando”, estamos dando continuidade à temática sobre fidelidade. Nesta edição gostaríamos de sublinhar alguns aspectos importantes da personalidade. Num segundo momento, abordando o tema da motivação vocacional, tentaremos evidenciar os fatores que podem ser empecilhos para a fidelidade. Nossas vidas são marcadas por acontecimentos, etapas e momentos felizes, mostrando que conseguimos, vencemos, enfim, “demos conta do recado”.

Sendo fiel, o ser humano responde ao chamado de Deus a transcender-se, coerente com a própria natureza humana. A fidelidade é a concretização da certeza, seja espiritual ou psicológica, que quanto mais o ser humano é de Deus e pertence a Ele, tanto mais se realiza como pessoa.

• Ser fiel para responder ao chamado de Deus: Chamados a ser o quê? Nós somos chamados a transcender a nós mesmos. Deus nos convida a segui-lo, a nos tornarmos algo ou alguém que ainda não somos, mas que aspiramos ser. A pessoa, sendo fiel, mostra acreditar que Deus ajuda a viver os valores evangélicos, a sair de si mesmo para se tornar o que ele lhe propõe. Com a fidelidade nós reconhecemos que este convite é possível e pode se realizar.

• Ser fiel para responder à própria natureza humana: a psicologia nos diz que a personalidade é constituída por estruturas bem definidas, o Eu ideal e o Eu atual. O Eu atual é o conhecimento que o sujeito tem de si e dos próprios atos (o que de fato ele é).

O Eu ideal é constituído por ideais que o sujeito escolhe para si, isto é, como a pessoa gostaria de ser. Existe uma relação dinâmica entre estas duas estruturas e, por isso, a finalidade da vida consiste em diminuir progressivamente a distância entre o Eu ideal e o Eu atual.

QUESTIONAMENTOS.
.Será que eu me conheço? Quem eu sou afinal?
.O que eu quero ser? Ou melhor, qual é o meu ideal de vida?
Com estas duas perguntas se delineia a vida de uma pessoa. Vamos usar um exemplo: Se um jovem tem como ideal ser um apresentador de televisão (Eu ideal), mas na realidade mal conversa com as pessoas, é tímido, quando lê em público sente as pernas tremerem e começa a gaguejar (Eu atual), deverá o mais cedo possível encontrar uma maneira para trabalhar o seu estado emocional, ou terá que deixar de sonhar com aquela profissão.
A pessoa é frustrada quando experimenta excessiva distância entre “o que é” e “o que gostaria de ser”, e, portanto, vive num estado de ansiedade.
A pessoa é madura quando consegue realizar na situação concreta os próprios ideais, quando consegue realizar o “eu ideal na situação real”. Neste caso, a pessoa conseguiu a verdade sobre si e colocou as bases para uma progressiva compreensão de si. Mas, para fazer isso, é necessário comprometer-se com valores objetivos.
Madre Teresa de Calcutá descobriu que, para alcançar a santidade (Ideal), era necessário amar os pobres entre os mais pobres. Ela se comprometeu a vida inteira vivendo o “amor concreto” entre os mais pobres e, dessa forma, tornou-se uma pessoa realizada.
Ser pessoa realizada significa comprometer-se “para sempre”.
Vivemos a fidelidade para pertencermos a Deus e para sermos plenamente nós mesmos. A pessoa fiel é aquela que entendeu que, quanto mais pertence a Deus, tanto mais encontrará a si mesma.
CONFUSÃO DE MOTIVAÇÕES
É comum, num grupo de vocacionados, fazer esta pergunta: “por que você gostaria de se tornar padre, freira ou leigo consagrado?”
As respostas não variam muito:
Quero servir aos outros...
Quero servir a Cristo...
Quero levar a Boa Nova para o mundo...
Quero doar a minha vida pelo Reino...
Depois de uns anos, se vocês reencontrarem as mesmas pessoas, depois da consagração, ou da ordenação, poderá descobrir que as motivações, muitas vezes subconscientes, eram outras.
Exemplos:

a procura de um status social;
uma segurança;
evitar o perigo;
sede de poder (tão denunciado por Jesus), controlar as pessoas, os acontecimentos;
sede de aplausos e sucesso;
direcionar os acontecimentos, liderança...
O fundamento da própria escolha e da própria vocação, neste caso, não é mais Deus, mas o próprio Eu. E assim, quando o consagrado enfrentar dificuldades no seu apostolado, suas motivações poderão entrar em crise.
Aqueles valores que no começo eram sustentados, perdem aos poucos a sua intensidade e aumenta o interesse por aquelas “recompensas psicológicas” que estes valores, de uma maneira ou de outra, asseguravam. A motivação essencial, do “por que” seguir a Cristo, se torna uma procura e uma defesa do próprio Eu, enquanto que o seguimento de Cristo se torna uma motivação secundária.
A tentação é fugir. O verdadeiro Deus dá medo porque sempre apela por aquelas motivações originárias que se perderam com o tempo. Então está na hora de lançar-me, não mais para aquele deus que era somente espelho de mim mesmo, mas para o Deus Vivo que me chama a realizar coisas impossíveis para mim, mas possíveis para Ele.
Vamos enfrentar juntos este desafio!

Tribunal na Malásia rejeita conversão de mulher ao cristianismo

O tribunal de mais alta instância na Malásia rejeitou um pedido de uma mulher que queria ter sua conversão do islamismo ao cristianismo reconhecida oficialmente, pondo fim a um caso que tramita há seis anos.
A corte, composta por três juizes, decidiu que só um tribunal islâmico poderia permitir que Azlina Jailani, hoje conhecida como Lina Joy, removesse a palavra 'islâmica' de sua carteira de identidade.
Ela nasceu em uma família muçulmana e, em 1998 foi batizada, mudando de nome.
A Constituição da Malásia garante liberdade de culto mas diz também que todas as pessoas de origem étnica malaia são muçulmanas.
Os tribunais islâmicos malaios, que funcionam de acordo com leis conhecidas como sharia, se recusaram a reconhecer a conversão de Jailani.
Em um ato inédito, o tribunal federal, a mais alta instância jurídica secular, decidiu que não tem poder para desafiar os juízes que atuam pela sharia.
O tribunal civil ficou dividido. Dois juízes muçulmanos concordaram na decisão e um terceiro, não-muçulmano, foi a voz dissidente.
A notícia foi recebida com gritos de "Deus é Grande" por muçulmanos que aguardavam diante do prédio do tribunal.
Mas adeptos de outras religiões vão ver a decisão como mais um sinal de que seus direitos estão sendo erodidos.
Segundo o analista de assuntos islâmicos da BBC, Roger Hardy, a maioria muçulmana do país vem tentando usar o sistema judiciário e político para fortalecer sua posição às custas de minorias budistas, hindus e cristãs.
A batalha judicial levou Jailani a ser rejeitada pela família e a perder o emprego.
By BBC.

Barriga de Aluguel: É preciso repensar a questão legal ISSO AGRADA A DESU

A “barriga de aluguel” ou “mãe substituta” (como se denomina hoje) se define como uma mulher que por acordo engravida para entregar a criança a uma outra mulher ou família. A “gravidez por substituição” ou” mãe por substituição”, no entanto, é até hoje rejeitada como conceito pela sociedade brasileira.
Como é realizado o procedimento biologicamente:
O procedimento normalmente é realizado através de fertilização in vitro na qual fecunda-se o óvulo da futura mãe com o espermatozóide do futuro pai em laboratório e transfere-se o embrião para o útero da mãe substituta.
Em alguns casos, no entanto, a futura mãe também não possui mais óvulos viáveis ou não os possui mais por completo. A doação de óvulos no Brasil é feita impreterivelmente de forma anônima. A doadora é escolhida geralmente a partir de uma semelhança dos dados entre esta e a futura mãe, além de uma foto de infância da doadora, sendo mantida a identidade de ambas anônimas entre si. Portanto, em qualquer dos dois casos, no Brasil, segundo a lei, o embrião jamais terá qualquer carga genética advinda da mãe substituta. Essa exigência não é a nível mundial, e nem tampouco é o corrente na ilegalidade, podendo nestes casos a prática de que a mãe substituta também seja a biológica, o que traria um gravíssimo problema ético a questão, mas este texto não pretende abordar este quadro.
Em que casos essa alternativa é útil:
Essa alternativa de um “útero substituto” é buscada por mulheres que estão impossibilitadas biologicamente de engravidar. Por exemplo: as mulheres que tiveram que extrair o útero; que possuem algumas anomalias uterinas; que sofreram danos no útero quer por operação, infecção, miomas, endometriose, câncer; que possuem doenças graves transmissíveis ao feto; que possuem risco de morte em caso de gravidez; que sofrem de aborto recorrente de causa desconhecida ou não passível de ser tratada; entre outros casos.
Ao contrário do que muitos imaginam, o procedimento não é indicado pela simples idade avançada materna, uma vez que o útero demora mais a envelhecer que os ovários, podendo a mulher até mesmo na menopausa engravidar com óvulos doados.


Qual a definição dada pela lei:
No Brasil a lei limita que o procedimento de “útero emprestado” só possa ser realizado entre parentes até 3º grau. Os demais casos precisam ser levados ao Conselho Regional de Medicina (CRM) para aprovação, o que demanda um tempo, que conforme relatado por um médico de fertilidade em 2007, levava em torno de 1 ano. Mas em qualquer caso, só é aceito em regime solidário, sem fins lucrativos, podendo os futuros pais pagar apenas as despesas médicas da mãe substituta.
Os entraves jurídicos atualmente tornam o procedimento inviável para a maioria das mulheres que não possuem parentes em condições de substituí-la. Os custos da fertilização in vitro (FIV) já são naturalmente elevados, variando entre 8 mil e 12 mil reais, fora os medicamentos que ficam entre 3 mil e 6 mil. As chances de sucesso de uma FIV são de 35% a 40%, no entanto, com a idade caem significativamente, chegando a números bastante reduzidos em torno de 40 anos. O que faria com que o procedimento provavelmente devesse ser repetido por diversas vezes na tentativa de se obter sucesso. Qualquer tempo perdido, como o tempo para conseguir levantar os recursos a fim de realizar a fertilização ou o tempo para conseguir a aprovação do CRM pode tornar inviável o tratamento, uma vez que a fertilidade feminina decai rapidamente após certa faixa etária, e alguns problemas de saúde podem comprometer inclusive o funcionamento dos ovários prematuramente.
Devido à lei que proíbe a comercialização do útero emprestado, a oferta comercial acaba sendo feita ilegalmente. Como tudo que é ilegal, os custos são elevadíssimos, já havendo casos em que o valor cobrado foi de mais de 100 mil reais. O desespero do casal que busca esse sonho natural de ter um filho com suas características genéticas pode levar a margem da legalidade, com todos os riscos que isso pode trazer para a criança, para o casal e para a mãe substituta.
O nosso inconsciente e a dificuldade em aceitar a mãe substituta:
Por que então é mais fácil alguém aceitar que a mulher tenha um filho que não será biologicamente dela, contanto que ela engravide, do que ter um filho biológico com uma mãe substituta? Acredito que apesar do avanço da ciência e do ensino da genética básica que tivemos no colégio, a reprodução ainda está muito associada ao evento gravidez. Muitas mulheres consideram que se não passarem pela experiência da gravidez, não são mães tão completas. A associação da filiação está mais ligada no inconsciente coletivo ao bebê saindo de dentro da barriga após o parto do que a carga genética. Além disso, uma novela televisionada de muito sucesso nos anos 90, período em que o procedimento passou a ser divulgado no Brasil, também contribuiu para confundir a população quanto ao assunto, por mostrar uma mãe de aluguel jovem e sem filhos, tratando o tema de forma muito parcial.
No entanto essa visão não é mundial, uma vez que nos EUA a aceitação da barriga de aluguel como atividade lucrativa é bastante maior, sendo o procedimento aprovado em alguns estados e acatado por muitos.
Diante disso o que temos no Brasil? Pela dificuldade de uma parte da sociedade ainda em entender a barriga de aluguel, mulheres são privadas da possibilidade de ter seu filho biológico. Assim como em outros casos, raramente quem está de fora do problema consegue compreender com profundidade o sofrimento que isso envolve e a importância vital que a solução desse problema possa ter na vida dessas pessoas. O entrave costuma se originar no desconhecimento do caso e distanciamento do problema por parte de quem faz a lei ou a apóia.


Doação de Óvulos x Empréstimo de Útero
o primeiro é aceito e o segundo rejeitado incompreensívelmente:
Por que a não aceitação da sociedade sobre esse fato? Especialmente quando a doação de óvulos é largamente praticada nas clínicas de fertilidade em sistema de “troca de favores” com uma boa margem de aceitação social? Ou seja, a sociedade aceita facilmente que uma mulher doe seu óvulo para que outra engravide e tenha um filho que é biologicamente da doadora, no entanto tem dificuldade em aceitar que uma mulher tenha o próprio filho biológico, se esse necessitar “crescer” em outro útero? A lei brasileira define que a doação de óvulos não pode também ter fins lucrativos, no entanto, se uma mulher precisar fazer um tratamento pra fertilidade e tiver condições de doar óvulos (idade jovem e boa fertilidade) recebe o seu tratamento de graça ou a custos muito reduzidos em troca da doação, o que não podemos negar que envolve um “favor financeiro”. Porém a sociedade aceita isso como algo positivo. Ao se entrevistar qualquer doadora, o entendimento da mesma é de que não está realizando um comércio, mas sim, ajudando uma outra mulher a realizar o seu sonho, enquanto recebe o mesmo em troca. O entendimento desse sistema tanto por parte de quem já praticou, quer doadora ou receptora, quanto pelas outras mulheres em tratamentos diversos para engravidar é positivo. No entanto, a maioria não aceita bem a idéia da mãe substituta, especialmente quando envolve alguma troca financeira.
O procedimento de doação de óvulos possui mais implicações ao longo prazo do que o útero emprestado. No caso do útero substituto, uma vez que a criança nasceu, é entregue a mãe definitiva que assumirá totalmente a criança. A mãe substituta terá cumprido sua missão e voltará a cuidar de seus próprios filhos, agora com os recursos extras recebidos por seu bom trabalho e a satisfação de ter ajudado outra mãe.
No entanto, a doação de óvulos não é igual, pois a receptora conviverá com um filho que não é biologicamente seu, lidará com suas próprias questões internas para aceitar que essa criança substitua o sonho original de ter seu filho biológico, conviverá com a incerteza de como a criança no futuro lidará com o fato quando descobrir, uma vez que atualmente com tanta informação científica será muito difícil esconder esse segredo pra sempre. Do outro lado, a doadora do óvulo conviverá com a incerteza do destino de seu filho biológico: se este está com boa saúde, se está sendo totalmente aceito na outra família, se um dia se conhecerão por acidente, se poderá acontecer como na ficção que este venha a namorar por acidente a irmã biológica (ainda que a probabilidade seja mínima), entre muitas outras incertezas. Outra questão relevante são as doenças hereditárias e outras peculiaridades hereditárias, que se tornarão mais difíceis de serem diagnosticadas, tratadas, ou mesmo entendidas e aceitas, sem o histórico e a presença da mãe biológica. E quando lidamos com uma criança especial, com inúmeras necessidades de cuidados e gastos por toda a vida, que serão inteiramente da responsabilidade da receptora e do pai da criança, será que a aceitação será total em 100% dos casos ao longo de todos os anos? Não sou contrária à doação de óvulos ou espermatozóides, porém considero que envolve inúmeras questões éticas e pessoais que continuarão sendo polêmicas toda a vida, enquanto considero que o empréstimo do útero é um procedimento consideravelmente mais simples eticamente falando.



Em que a lei poderia servir para ajudar:
No lugar de proibir o ganho financeiro com o empréstimo do útero, o que leva o procedimento a ser realizado de qualquer forma, só que ilegalmente, seria mais útil que a lei apoiasse e delimitasse alguns detalhes a fim de tornar o ato mais seguro para todos os envolvidos. Algumas exigências seriam: a proibição de que sejam utilizados os óvulos da mãe substituta; a obrigatoriedade de que a mãe substituta já tenha filhos; uma avaliação psicológica de sua maturidade no entendimento do procedimento; uma definição contratual clara sobre a responsabilidade integral do futuro casal de pais em assumir o(s) filho(s) em qualquer circunstância, assim como em arcar com quaisquer custos inerentes a gravidez e a saúde da gestante durante e após a mesma desde que os eventos sejam advindos da gestação; uma definição por contrato da obrigatoriedade da gestante em entregar o bebê ao casal após o parto; a limitação do número de vezes que cada mulher poderia ser barriga de aluguel (que poderia ser até 1 única vez, por exemplo), entre outros. Atualmente a maioria dos médicos sérios já realiza exigências diversas, outras inclusive nem mencionadas, como, por exemplo, que a mãe substituta expresse não desejar mais ter filhos. Na verdade, como ao contrário dos ovários, o útero demora muito a envelhecer, a mãe substituta pode inclusive já está na menopausa, sendo uma mulher madura e mãe de vários filhos.

Conclusão:
A grande questão da permissão da barriga de aluguel é que trata-se de algo vital para quem desta necessita. Envolve sonhos, expectativas, perspectivas que não podem ser ceifadas simplesmente pela falta de conhecimento da sociedade sobre o tema. Esse assunto deveria ser primeiramente discutido pelas pessoas que efetivamente necessitam do processo, e pelas que oferecem seus serviços como mães substitutas.

SOMOS PENTENCOSTAIS E SEVROS DE DEUS

Evangélicos Nos países anglo-saxões,
onde a Reforma Protestante eclodiu no século XVI, o termo "evangélico" é usado para definir quase todas as doutrinas cristãs protestantes. Na Alemanha, berço do luteranismo, seu uso chega a ser mais específico: é comum se referir aos membros da Igreja Luterana como evangélicos, excluindo-se o resto dos protestantes. Já no Brasil, quando se fala de evangélicos, trata-se de uma forma genérica de se referir às correntes protestantes pentecostais e neopentecostais (veja abaixo), surgidas somente no século XX. De forma simplificada, pode-se dizer que todo evangélico é protestante, mas nem todo protestante se considera evangélico.
Protestantismo HistóricoMovimento iniciado na Europa no século XVI, cujo marco célebre são as 95 teses do teólogo cristão Martinho Lutero criticando uma série de práticas e doutrinas da Igreja Católica. Ao romper com o Vaticano, Lutero desencadeia a Reforma Protestante, que culmina com a fundação de correntes cristãs dissidentes, como a própria Igreja Luterana, a Calvinista e a Metodista. A maioria das igrejas protestantes rejeito o culto a Maria e aos santos e o celibato clerical, além de admitir práticas como o divórcio e os métodos anticoncepcionais.
Protestantismo PentecostalCorrente que aparece nos Estados Unidos nos primeiros anos do século XX, entre fiéis metodistas insatisfeitos com a falta de fervor em suas igrejas. Devido aos cultos vibrantes, marcados por expressões de êxtase e fortes emoções, não demora a se difundir pelos EUA, e posteriormente por países mais pobres, especialmente na América Latina. Em linhas gerais, os pentecostais acreditam em aspectos milagrosos da fé, como o poder de cura do Espírito Santo, e enfatizam a pregação do Evangelho aos não convertidos. A maioria das igrejas pentecostais cobra dízimo de seus fiéis
Protestantismo NeopentecostalFenômeno surgido a partir dos anos 1970, que se difere do pentecostalismo tradicional especialmente por estimular o fiel a buscar a prosperidade em lugar da graça. Seus rituais espetaculosos, que não dispensam curas milagrosas e exorcismos, não escondem o fato de que grande parte das igrejas neopentecostais não são muito rígidas no que diz respeito aos hábitos e costumes de seus fiéis. Algumas delas mantém forte presença na mídia eletrônica, controlando a programação (quando não as finanças) de centenas de emissoras de rádio e televisão Brasil afora.


MAIORES GRUPOS NO PAÍS: IGREJAS PENTECOSTAIS
Assembléia de Deus*Fundação:
1910História e doutrina: A maior igreja pentecostal brasileira surgiu em Belém (PA), sob a influência de dois missionários suecos vindos dos Estados Unidos, onde freqüentavam a Igreja Batista. Organizada nos moldes das igrejas pentecostais que surgiam então naquele país, a Assembléia de Deus acredita no poder supremo do Espírito Santo e prega com ênfase o Evangelho cristão. Nos cultos, fiéis oram e cantam em voz alta dentro dos templos.Fiéis no Brasil: 8.500.000Templos: Dados não disponíveisNúmero médio de fiéis que freqüentam cada templo: Dados não disponíveis
* Este número diz respeito apenas à primeira Assembléia de Deus, surgida em Belém (PA) no início do século XX. Trata-se da denominação ligada à Convenção Geral das Assembléias de Deus no Brasil (CGADB), a quem pertence a patente do nome no país. Ao longo do século, outras Assembléias de Deus surgiram, a maioria sem qualquer ligação institucional com a CGADB.
Congregação Cristã no Brasil
Fundação: 1910História e doutrina: Fundada no Brasil por Luigi Francescon, um protestante italiano. No início, cresceu dentro da comunidade de imigrantes italianos do país, para, a partir da década de 1930, se expandir para o resto do Brasil. A exemplo da Assembléia de Deus, centra suas crenças nas virtudes do Espírito Santo, sem dar valor a outras figuras consagradas historicamente pelo cristianismo, como Maria ou os santos. Um de seus rituais mais conhecidos é o batismo de imersão em água corrente.Fiéis no Brasil: 1.891.000Templos: 4.700Número médio de fiéis que freqüentam cada templo: 403
Igreja do Evangelho QuadrangularFundação: 1918História e doutrina: Nascida nos Estados Unidos, demorou quase 30 anos para chegar ao Brasil, pelas mão de dois missionários que se instalaram na cidade de Poços de Caldas, em Minas Gerais, e depois em São João da Boa Vista, em São Paulo. Enfatiza o dom da cura pelo Espírito Santo e a palavra de Deus contida na Bíblia, além de acreditar no retorno iminente de Jesus Cristo.Fiéis no Brasil: 1.600.000Templos: 7.500Número médio de fiéis que freqüentam cada templo: 213
Igreja Pentecostal "O Brasil para Cristo"Fundação: 1955História e doutrina: Fundada por um ex-trabalhador da construção civil, que chegou a ser pastor da Assembléia de Deus e da Evangelho Quadrangular antes de se autoproclamar missionário da própria igreja. Os cultos são marcados por orações espontâneas e pelo testemunho dos fiéis, que também podem pregar.Fiéis no Brasil: 1.937.000Templos: 4.600Número médio de fiéis que freqüentam cada templo: 419
Igreja Pentecostal Deus é AmorFundação: 1962História e doutrina: Criada a partir de uma mensagem divina que seu fundador, o missionário David Miranda, teria recebido. Assemelha-se às pentecostais tradicionais no conservadorismo no campo dos costumes e nos rituais mais exaltados. Possui hoje o autodenominado "maior templo evangélico do mundo", com capacidade para 60.000 fiéis, no centro de São Paulo.Fiéis no Brasil: 3.600.000Templos: 4.300Número médio de fiéis que freqüentam cada Dia

MAIORES GRUPOS NO PAÍS: IGREJAS NEOPENTECOSTAIS
Igreja Evanagelica Jesus Cristo e o Senhor: Fundaçaõ em 2007, Historia e Doutrina Principal obdiencia da Palavar de Deus e Seus Estatutos Cremos no Poder do Espirito Santo do Senhor e em nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo e no Batismo nas Agua e no Batismo do Esprito Santo Cremos nos Dons Espirituais nos Dons de Linguas
Igreja Universal do Reino de DeusFundação: 1977História e doutrina: Principal igreja do fenômeno neopentecostal brasileiro, foi fundada pelo bispo Edir Macedo, nos subúrbios do Rio de Janeiro. Segue os preceitos gerais do cristianismo. Em seus cultos diários, estimula-se a doação do dízimo e é comum a prática do exorcismo. Aposta na mídia eletrônica para atrair fiéis – é dona da Rede Record de televisão, entre outras emissoras.Fiéis no Brasil: 5.200.000Templos: 13.000Número médio de fiéis que freqüentam cada templo: 400
Igreja Internacional da Graça de DeusFundação: 1980História e doutrina: Dissidência direta da Igreja Universal, foi fundada no Rio por Romildo Ribeiro Soares, cunhado do bispo Edir Macedo. Suas pregações e rituais, repletos de curas e exorcismos, podem ser acompanhadas em diversas emissoras de televisão, que vendem seus horários para que a igreja arrebanhe seus fiéis.Fiéis no Brasil: Dados não disponíveisTemplos: Dados não disponíveisNúmero médio de fiéis que freqüentam cada templo: Dados não disponíveis
Igreja Apostólica Renascer em CristoFundação: 1986História e doutrina: Uma das neopentecostais em que o incentivo à busca da prosperidade material é mais evidente, a Renascer foi fundada em São Paulo. Tendo como público alvo a classe média urbana, trouxe novidades para os cultos evangélicos, como o rock gospel e as festas jovens dentro dos templos. A exemplo de suas congêneres, se mantém à base de doações sistemáticas de seus fiéis.Fiéis no Brasil: 120.000Templos: 870Número médio de fiéis que freqüentam cada templo: 138
Comunidade Evangélica Sara Nossa TerraFundação: 1992História e doutrina: Surgida em Brasília, ganhou notoriedade depois de conquistar fiéis entre as celebridades e as classes mais abastadas do país. Apesar de seguir os preceitos básicos do cristianismo e de promover rituais de fé exaltados, é tolerante no que diz respeito a hábitos controversos e normas morais pouco rígidas.Fiéis no Brasil: Dados não disponíveisTemplos: 650Número médio de fiéis que freqüentam cada templo: Dados não disponíveis



EVANGÉLICOS PELO MUNDO
Embora o Brasil seja – de longe – o maior país pentecostal do mundo, o fenômeno não é exclusividade nacional. Por ser o berço desta tradição religiosa, os Estados Unidos ainda concentram a segunda maior massa pentecostal do mundo: quase seis milhões, ou perto de 2% de sua população. Quando se trata de evangélicos de forma geral, os americanos nos superam em larga margem: são 44 milhões nos EUA, contra 27,6 milhões no Brasil. Tirante os dois gigantes, o continente onde encontram-se mais evangélicos é a África. Só na Nigéria são mais de 25 milhões, seguidos pelos 10,3 milhões da Etiópia e os 9,4 milhões do Quênia. Na Ásia, os evangélicos representam mais da metade da população da Coréia do Sul, sendo um quarto deles de pentecostais, e também prosperam na Índia (11 milhões, pouco se comparado à maioria hinduísta do país) e na Indonésia (5,3 milhões). Entre os latino-americanos, destacam-se as massas evangélicas da Argentina, com 2,5 milhões de religiosos – quase todos pentecostais – e do México com 2,4 milhões. Toda esta presença internacional tem estimulado muitas das igrejas evangélicas brasileiras a abrir filiais no exterior. A Igreja Universal do Reino de Deus possui sede em todos os continentes do planeta - está em 70 países. A Internacional da Graça de Deus, do telepastor R.R. Soares vai pelo mesmo caminho: já chegou aos Estados Unidos, ao México e ao Japão. E dentre as mais antigas, a Assembléia de Deus possui endereços nas Américas, na Ásia e na Europa